por em Geral.

Em Janeiro de 2014 foram comercializados em Portugal 10.899 veículos automóveis, ou seja, mais 31,9% por cento do que em igual mês do ano anterior, o que prolonga a tendência de crescimento verificada na segunda metade de 2013.

Analisando as vendas de ligeiros de passageiros, a BMW foi a marca que mais veículos vendeu em Janeiro com um total de  947 unidades vendidas, seguida pela Renault (902) e Volkswagen (896). Segue-se a Peugeot (880), a Mercedes (852) e a Audi (656).

Apesar do crescimento agora registado face a 2013, o mercado apresenta o terceiro volume mais baixo dos últimos 15 anos quando consideradas apenas as vendas no mês de Janeiro, tal como pode ser observado no gráfico seguinte:

1. Automóveis Ligeiros de Passageiros
Em Janeiro de 2014 o mercado de automóveis ligeiros de passageiros registou, em Portugal, um crescimento de 31,8 por cento em relação a igual mês do ano anterior, tendo sido vendidos 9.255 automóveis.

2. Veículos Comerciais Ligeiros
O mercado de veículos comerciais ligeiros registou em Janeiro de 2014 um crescimento homólogo de 29,2 por cento, tendo sido comercializados 1.318 veículos.

3. Veículos Pesados
No que diz respeito ao mercado de veículos pesados, verificou-se um crescimento de 46,2 por cento no mês de Janeiro, tendo sido vendidos 326 veículos desta categoria.


Fonte: Gabinete de Comunicação da ACAP

por em Geral.

TerLugar no céuminou a acção “Lugares no Céu” tendo sido angariados mais de 6.500€ para a Cruz Vermelha Portuguesa e, por isso, em 2014, 50 bebés e crianças de norte a sul do país irão regressar à escola. Este é o resultado prático da campanha do CustoJusto.pt – “Vende-se Lugar No Céu”.

A Cruz Vermelha identificou várias familias que se viram forçadas a retirar as crianças das creches e escolas por falta de pagamento, e pela completa impossibilidade de regularizarem essas dívidas. Essas famílias são residentes em localidades como:

  • Valença
  • Braga,
  • Santo Tirso
  • Santarém
  • Lisboa
  • Olhão

Foi com este alerta que levou a CustoJusto a associar-se à CVP e promover esta campanha.

 

E todos nós ajudámos a mudar isto!

 

A prova de que não estamos indiferentes nem perdemos o espirito de solidariedade num momento complicado para todos foi dada também aqui. E, mais uma vez, obrigada a todos que ajudaram nesta iniciativa!

 

por em Custo Justo, Geral.

Já está no ar a nossa mais recente campanha que, em tom de brincadeira, recorre ao lugar-comum Vende-se lugar no Céu, para convidar os portugueses a participarem numa ação de solidariedade social que reverte a favor da Cruz Vermelha Portuguesa.

Até 20 de dezembro, basta entrar no site e fazer um donativo. Com opções de donativos que variam entre 5€ e 25€, é possível fazer a diferença e, de forma simbólica, garantir um lugar no céu. O valor angariado visa ajudar famílias carenciadas promovendo a educação e integração de bebés e crianças no universo escolar e social.

Além do donativo direto efetuado pelos visitantes do site, iremos irá doar 50% do valor de cada serviço de destaque vendido, contribuindo ainda com 5€ por cada 1.000 anúncios aprovados.

Para Pedro Furtado, Diretor do CustoJusto.pt, “esta é uma ação com um tom divertido mas com um propósito muito sério. Numa altura em que tantas famílias portuguesas passam por necessidades, considerámos que era a altura certa para tirar partido do elevado número de pessoas que visita o nosso site diariamente e apelar ao espírito solidário dos portugueses, para, de forma simples, ajudar quem mais precisa”.

Luís Barbosa, Presidente da Cruz Vermelha Portuguesa, reforça a importância da ajuda de todos para se fazer a diferença. “A nível nacional a Cruz Vermelha Portuguesa apoia mais de 3.000 crianças e jovens de diversas formas. Por isso, é com convicção que, sempre que uma empresa se associa a nós, ou alguém se voluntaria para colaborar connosco, acreditamos e reconfirmamos que é através da soma de pequenos ou grandes gestos que se constrói um mundo melhor.”

Participe e ajude quem mais precisa!

Imagem1