por em Marcas de carros.

Citroen é uma fabricante francesa, criada por André Citroen em 1919.  O símbolo da Citroen é o “double chevron”. Os dois ‘V’s invertidos, conhecidos na França como “Deux Chevron” ou “Duplo Chevron”, simbolizam a engrenagem bihelicoidal.

Em 1934, a marca surpreendeu o mundo automóvel com a inovação “traction avant”. Este foi o primeiro carro com tracção à frente. A marca manteve reputação de apresentar ideias inovadoras, e em 1954 produz um carro com suspensão hidropneumática auto-nivelante. Em 1948 dá-se o início de comercialização do “2CV”. Em 1955 foi a vez do lançamento do DS, com travões de disco.

A década de 60 fica marcada por uma reestruturação da empresa (1968). A Michelin, que tinha a maioria das ações da Citroën, vende 49% à Fiat (Acordo de PARDEVI). Ainda no mesmo ano, a Citroën compra a Maserati.

Devido à crise energética de 1973, a Fiat voltar atrás com o acordo anteriormente celebrado e a Michelin regressa à Citroen. Em 1974, a Peugeot compra 38,2% da Citroën, vende a Maserati e, em 1976, adquire mais uma parcela da Citroën ficando com um total de 90% da empresa, criando a PSA Peugeot Citroën.

O muito popular 2CV é descontinuado no início da década de 90 e a marca adopta a sigla C para os novos modelos.

A Citroen também tem presença activa no desporto motorizado, sendo a única marca a ter vencido três diferentes campeonatos oficiais: World Rally Raid Championship (5 vezes), World Rally Championship (8 vezes) e World Touring Car Championship.

Modelos:

 

Comentar

  • (Não será divulgado)