por em Geral.

Sempre que se pretende fechar um negócio de um carro usado para venda, colocamos várias questões a amigos e familiares que já tenham efectuado uma compra similar, e muitas vezes não ficamos convencidos. Por este motivo, e para ajudar os nossos utilizadores, tentámos reunir as perguntas mais frequentes no decorrer do processo, e apresentamos aqui as soluções que nos parecem mais acertadas.

  1. Em que momento do processo de compra e venda se efectua o pagamento do carro?

O lógico seria que o vendedor entregasse o veículo e o comprador o dinheiro no momento em que se assina o contrato de compra e venda. De facto, a partir deste momento todos os restantes trámites podem ser feitos por separado, no entanto é mais rápido e fácil quando feitos conjuntamente.

  1. É necessário que as assinaturas que figuram no contracto de compra e venda sejam reconhecidas pelo notário?

Com respeito ao contrato, não é obrigatório ter as assinaturas reconhecidas. Com que ambos assinem é suficiente, o essencial é que vejam fisicamente a outra parte a assinar, e se tiverem uma testemunha, então não haverá problema de todo. Por outro lado, nunca é demais reconhecer as assinaturas num notário, é apenas mais uma burocracia a tratar. Tudo dependerá da confiança que se tem com o comprador.

  1. Não é um pouco arriscado entregar o Documento Único Automóvel/Certificado de Matrícula do carro ao comprador?

A verdade é que sim, por isso se tem confiança com a pessoa, não tem problema. Mas se for um desconhecido, não deverá entregá-lo de imediato, isto porque:

Ainda que o vendedor tenha um contrato assinado com o comprador, o carro ainda está registado no nome do proprietário junto do IMTT. Portanto, na eventualidade de haver algum azar, o comprador vai ter problemas. Por exemplo: multas, um golpe que supere a garantia do seguro do carro, etc.

Estas situações não ficam prevenidas, obrigando o comprador a ter o veículo assegurado no seu nome, no dia em que se assina o contrato. Isto porque as companhias de seguros não vão assegurar ao comprador um veículo que nem sequer está no seu nome. O responsável pelo veículo ainda é o vendedor, até que se notifique a transmissão de proprietário no IMTT, o carro continuará no seu nome.

Solução:

A solução para o problema não é difícil. Recomendamos que o vendedor fique com os documentos (seja o antigo livrete ou Documento Único Automóvel/Certificado de Matrícula) do veículo e que no mesmo dia em que assinem o contrato de compra e venda vão ao IMTT e  notifiquem a transmissão de propriedade. Para tal, deverão entregar os documentos da viatura. (Lembre-se de que poderá perder toda a manhã, pelo que o melhor é combinar a ida bem cedo.) Logo depois, de notificar a transmissão no IMTT, o vendedor deverá telefonar para a sua seguradora a dar conhecimento da acção e se necessário anular o seguro. A partir deste momento não terá mais preocupações como o que o comprador fará com o seu veículo.

  1. Quanto tempo é necessário para tramitar os papéis?

Supondo que tanto o comprador como o vendedor querem livrar-se de toda a papelada o mais rápido possível, recomendamos que se faça tudo no mesmo dia e em conjunto.

Comprador e vendedor encontram-se pela manhã à porta do IMTT, se possível bem cedo.

Passo 1.1 Assinam o contrato

Passo 1.2 Vendedor dá a chave do veículo ao comprador.

Passo 1.3 Comprador paga ao vendedor.

Passo 1.4 Comprador e vendedor  tratam juntos da papelada, no IMTT.

Passo 1.5 Uma vez tramitada a papelada, comprador e vendedor dão um aperto de mão e cada um segue o seu caminho.

Deste modo, ambos intervenientes consomem apenas uma manhã e o comprador vê o carro em todo o momento, já que ambos estão no IMTT a realizar os trâmites, tornando todo o processo mais fácil.

Entretanto se ainda não encontrou o carro que procura, entre no CustoJusto.pt e veja as oportunidades em carros usados baratos perto de si

Faça um bom negócio!

por em Geral.

Se está a pensar em aproveitar este Inverno para umas férias na neve, consulte o nosso site de classificados grátis para adquirir todo o material necessário à prática dos desportos de Inverno a preços mais competitivos.

Calças, botas, blusões, óculos, gorros, luvas, meias, fatos completos, capacetes, bastões, protector de orelhas, pranchas de snowboard ou esquis são alguns dos objectos à venda no custojusto.pt e que complementam o guarda-roupa necessário para umas férias na neve.

Com preços bastante acessíveis e diferenciados dependendo das marcas e do estado de conservação, é possível adquirir no custojusto.pt um conjunto para a prática de esqui ou snowboard a partir dos 100 euros.

Para um homem consegue equipamento completo por apenas 194€

Botas de neve a 8€

calças e luvas a 50€

Óculos a 60€

Casaco a 75€

O custojusto.pt tem também disponível uma vasta gama de acessórios direccionados para os mais pequenos para que estes possam acompanhar os pais nesta aventura, devidamente protegidos do frio.

E para quem procura para além de equipamento, no custojusto.pt pode encontrar casas para alugar próximas da Serra da Estrela, uma clara mais-valia que o site disponibiliza.

Os utilizadores do Custo Justo têm ainda à sua disposição correntes de neves para utilizar no seu automóvel, o que se recomenda para umas férias em segurança.

 

Não se esqueça, faça um bom negócio!

por em Geral.

Eis o pico do Inverno, a vaga de frio polar que se faz sentir nos últimos dias, obriga-nos a adaptar a este clima invernal, frio e chuvoso que perdurará durante os próximos meses, nem é preciso visitar o site da meteo para saber que os próximos tempos vão ser agrestes. Não é só o nosso organismo que tem de se ajustar, há um sem fim de coisas que devemos adequar a esta altura do ano.

Se ainda não o fez, no CustoJusto.pt preparamos uma curta lista de tarefas para ajudá-lo a preparar-se para não ter surpresas desagradáveis neste Inverno:

Revisão de Pneus – No CustoJusto.pt poderá encontrar pneus e jantes seminovos, bem como colocar os antigos è venda

Calafetagem de Portas e Janelas – No CustoJusto.pt encontra pequenas empresas na sua zona que prestam este serviço.

Aquecimento – No CustoJusto.pt pode encontrar aquecedores a óleo, catalíticos, salamandras, desumidificadores, etc, não esquecendo a tradicional lenha e pinhas para a sua lareira.

Faça um bom negócio!

por em Geral.

Passo a passo indicamos-lhe o que se deve verificar quando se compra carros usados baratos:

1. No Interior do habitáculo

Sente-se dentro do carro e ligue a ignição, sinta o motor a trabalhar. Veja se há alguma luz acesa no painel e aproveite para verificar o travão de mão. Com o carro ligado e parado, carregue no travão e mantenha o pé no pedal por algum tempo. Se ele baixar aos poucos, denuncia uma fuga de óleo nos travões. Teste os cintos de segurança, verifique os limpa pára-brisas, piscas, luzes do habitáculo, aquecimento, chauffage e todos os acessórios. Olhe em volta, e veja se os bancos estão deformados ou soltos, e se os estofos estão rasgados ou sujos.

2. Inspeccione o motor

Com o motor ligado verifique se há algum barulho estranho. Veja também o nível de óleo, a sua cor e viscosidade, assim como o depósito do líquido de refrigeração do motor, e se este se encontra sujo ou de deteriorado. Confira o aspecto e a validade da bateria (por norma a sua vida útil é de três a quatro anos). Por fim, confirme se o número gravado no chassis é idêntico ao do livrete do veículo.

3. Do Lado exterior

Observe o veículo à luz do dia para verificar pormenores importantes do exterior. O carro deve estar lavado e seco, já que torna mais fácil detectar as imperfeições, mossas, riscos, diferenças de cor na pintura, assim como nas arestas do capô. Bata levemente na carroçaria, se notar diferenças nos sons emitidos, poderá ser sinónimo de que um dano do carro foi corrigido com massa. Se a pintura mostrar bolhas pode significar existência de ferrugem, esta faz-se notar sobretudo junto às borrachas, debaixo das portas e nas quinas inferiores da carroçaria. Verifique também o estado das borrachas, juntas e portas. Por fim, dê atenção ao estado dos pneus e jantes, já que muitas vezes denunciam problemas de suspensão, alinhamento e calibragem das rodas.

 Adicionalmente certifique-se de que os equipamentos de segurança obrigatórios estão em boas condições e de acordo com as normas, estamos a falar do pneu sobresselente, macaco, triângulo, ‘kit’ de ferramentas, colete reflector. Confirme também a existência de um conjunto completo de chaves de viaturas bem como o comando de alarme, se este existir.

4. Teste o carro em movimento

Efectue o test drive do carro, tente circular na cidade e se possível experimente também andar num pavimento diferente. Ande em frente e em marcha atrás enquanto vira o volante em ambos os sentidos. Se ao travar normalmente, ouvir ruídos metálicos, significa que os calços dos travões estão gastos. Esteja atento para quaisquer trepidações no volante. Largue a direcção em linha recta, e confirme se o carro “foge” para um dos lados. Se tal acontecer, é um claro indício de problemas nos travões, suspensão, direcção ou chassis empenados devido a acidente.

Por fim se o carro não o convenceu, pode sempre procurar por outros carros baratos no CustoJusto.pt

por em Geral.

Bloco de Notas do José Mourinho à venda no Custo Justo

Uma verdadeira relíquia só para grandes fãs do Futebol, o bloco de notas de José Mourinho, com todas as anotações feitas pela mão do próprio, no último jogo enquanto treinador do Futebol Clube do Porto num ano de glória para o os Dragões, está à venda no CustoJusto.pt.

Leia aqui a entrevista ao anunciante do CustoJusto.pt, feita por um jornalista do maisfutebol.pt

 

Bloco de Notas José Mourinho À venda No CustoJusto.pt

 

Faça um bom negócio como o nosso anunciante Ricardo Fonseca!