O meu primeiro carro: o que considerar ao comprar um usado

A compra de um automóvel é um processo empolgante. Por norma, procuramos o equilíbrio entre a utilidade do veículo e o prazer e conforto da condução. Realizar uma breve pesquisa sobre as marcas, os diferentes modelos e as suas características será um passo fundamental para agilizar todo o processo de decisão.

Deve começar por compreender o investimento que será necessário e, para além do custo da compra, considere ainda, entre outros custos, o seguro automóvel, o imposto de circulação e outros impostos, os custos com pneus e outros componentes, os custos de manutenção e inspeção e o combustível.

Ao adquirir um carro usado, seja através de um concessionário ou de um vendedor privado, é sempre essencial que a qualidade e operacionalidade gerais do veículo e o cumprimento dos requisitos legais estejam devidamente assegurados.

Para garantir que faz uma compra consciente e tranquila, deve começar por verificar toda a documentação e confirmar que o registo do veículo está em conformidade e que não existem erros suspeitos ou detalhes que não correspondem à realidade.

Deve, ainda, verificar alguns pontos importantes sobre os componentes do veículo e o seu funcionamento, como:

  1. A quilometragem é consistente com a idade e o aspeto do carro usado? Confirme, se possível, a quilometragem do carro com resultados de testes de inspeção.
  2. A pintura é uniforme? Há sinais de ferrugem ou componentes danificados ou estranhos em algumas partes do veículo?
  3. Qual é o estado dos pneus principais e do pneu sobresselente? Precisarão de ser imediatamente substituídos?
  4. Como está o interior do veículo? Todos os elementos estão em bom estado e operacionais, incluindo os cintos de segurança, airbags, sistema de multimédia e estofos? Há algum alerta de avaria no painel de instrumentos? Consulte o manual do veículo para compreender as informações do painel.
  5. Os faróis, as escovas, os espelhos, as janelas, as portas e respetivos sistemas de fecho e os restantes componentes estão em bom estado e de acordo com as especificações do veículo?

Deve procurar agendar, ainda, um test-drive, que, numa situação normal, deverá ser um pedido já esperado e naturalmente aceite por vendedores de carros usados. Se não se sentir capaz de avaliar o funcionamento do veículo, leve consigo um amigo ou amiga que entenda do assunto e:

  1. Esteja atenta/o ao funcionamento do motor e a quaisquer ruídos estranhos durante a condução.
  2. Teste o estado e o equilíbrio dos travões no processo de travagem, bem como o estado da embraiagem.
  3. Avalie o comportamento do veículo em velocidades mais elevadas e nas curvas.

Todas estas dicas para que, no momento da compra, só se tenha de preocupar em usufruir do seu novo automóvel! Boas viagens!

Mais artigos do seu interesse

Vantagens para os Profissionais Auto até 30 de setembro

Automóvel cabrio

Tendências do setor automóvel neste verão

Pneus

Pneus para todas as condições

Comprar carro usado

O mercado de veículos usados nos primeiros meses de 2021